Informações e Notícias

Multa de energia reativa excedente

Empresas pagam Multa de Energia Reativa Excedente que pode chegar até 30%.

Muitas empresas pagam esta penalidade sem perceber, saiba como identificar e eliminar esta multa.

O hábito de pagar a conta de energia elétrica sem analisar é comum, mas pode gerar muito prejuízo para as empresas, de 5% a 30% do valor da conta de energia. As empresas que recebem esta multa precisam corrigir o fator de potência para elimina-la e diminuir a conta de energia elétrica.

Fique atento, fator de potência reduzido trás outras desvantagens além da multa, como o aumento da corrente total que circula pela rede elétrica, que resulta em problemas no sistema elétrico, como variações de tensão que podem causar danos totais ou parciais dos equipamentos eletrônicos.

O fator de potência de sua instalação elétrica pode ser corrigido, basta contratar uma empresa especializada em serviços de engenharia elétrica, como a Stal Engenharia. Realizamos estudos que incluem medições em campo da real necessidade capacitativa de sua empresa. Após esta análise dimensionamos corretamente cada equipamento e instalamos um banco de capacitores no sistema elétrico que libera a capacidade para instalação de novos equipamentos sem a necessidade de investimento em um transformador ou substituição de condutores, caso seja necessário.

Entre em contato conosco e saiba mais sobre nossos serviços de Engenharia Elétrica.

Informações Técnicas

O que é o fator de potência?
Também conhecido como FP, é a relação entre potência ativa, potência reativa e potência aparente. Um FP alto indica uma boa eficiência no uso de energia, enquanto um FP baixo indica mau aproveitamento e sobrecarga para o sistema elétrico.

Apesar da potência reativa não produzir trabalho é necessária para o funcionamento de motores de indução e retificadores industriais, pois possui um papel importante na produção de fluxo magnético, circula entre equipamentos e a fonte de alimentação.

O baixo fator de potência ocorre quando há um excesso da potência reativa que ocupa um espaço no sistema elétrico que poderia ser utilizado para fornecer mais energia ativa, em outras palavras, significa que a energia comprada da concessionaria não está sendo aproveitada plenamente. A potência reativa deve ser a menor possível, para evitar perdas por aquecimento e quedas de tensão.

Como a multa de energia reativa excedente é determinada?
A Agência Nacional de Energia Elétrica – ANEEL determina que clientes indústrias tenham o fator de potência de no mínimo 0,92. Quando o fator de potência está abaixo do mínimo, é aplicada uma multa sobre o valor da conta de energia. Segue um exemplo para demonstrar como essa multa aumenta o valor da conta, supondo que o fator de potência de uma empresa seja 0,80, o valor da multa será de 15% (0,92 / 0,8 - 1) sobre o valor da conta de energia elétrica.

Exemplo de conta com multa de energia reativa excedente

Causas mais comuns do baixo fator de potência
• Motores e transformadores operando com pequenas cargas;
• Motores e transformadores superdimensionados;
• Grande quantidade de motores de pequena potência;
• Lâmpadas de descarga: fluorescentes, vapor de mercúrio, vapor de sódio – sem reatores de alto fator de potência.

Cadastre-se em nossa newsletter para receber mais conteúdo como este.

Quer saber mais sobre Fator de Potência? Acesse: www.stalengenharia.com.br/fatorpotencia.pdf


Cadastre-se através do formulário abaixo e receba informações, notícias e promoções.